Estresse influência na perda dos dentes

Segundo especialista o paciente que possui a doença periodontal tende a apertar e ranger dentes, o que pode favorecer a perda óssea ao redor causando desgaste e fratura dentária.

Recentemente a atriz Demi Moore contou que perda alguns dentes devido ao estresse, o que chamou a atenção de todo o mundo. Um estudo realizado por pesquisadores da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) apontou que pessoas estressadas têm mais chances de desenvolver doenças periodontais, inclusive a perda do dente. Segundo a cirurgiã-dentista Renata Amorim, sócia da Clínica Vitácea Odontologia, em Belo Horizonte, isso ocorre devido à liberação de alguns hormônios que provocam a baixa da defesa imunológica, a diminuição da salivação e o menor diâmetro dos vasos sanguíneos que provoca também menor oxigenação dos tecidos de suporte do dente.

Odontologia Digital

Você sabe o que é Odontologia Digital? E se soubesse que ela pode diminuir o tempo na cadeira do dentista? Pois é isso e muito mais que essa ferramenta chamada CEREC pode fazer por você!

A evolução tecnológica favoreceu os tratamentos odontológicos, pois agora há possibilidade de se fazer um tratamento dentário de maneira mais rápida, mais confortável, com ótima precisão e qualidade. E o CEREC é uma ferramenta de tecnologia de ponta para realização da Odontologia Digital. Ele é baseado na tecnologia CAD ̸ CAM, termo em inglês que significa desenho e confecção da peça pelo computador, ou seja, através de uma moldagem digital a peça é confeccionada.

Dentes sensíveis

Especialista explica como tratar e prevenir a hipersensibilidade dentária.

De acordo com estimativas das associações odontológicas cerca de, 25% dos brasileiros adultos possuem dentes sensíveis. Consumir alimentos e bebidas geladas passa a ser uma tortura para quem sofre diariamente com o problema. Segundo a cirurgiã-dentista Renata Amorim, sócia da Vitácea Odontologia, em Belo Horizonte, a hipersensibilidade dentária acontece quando há exposição gradual da dentina, que é a parte mais interna do dente e que contém pequenos canais (túbulos dentinários), com terminações nervosas e fluidos.

Mitos e verdades sobre implantes dentários

Cerca de 2 milhões deste tipo de procedimento são feitos por ano no Brasil; saiba quem pode ou não fazer.

Os implantes dentários são uma excelente opção para quem perdeu um ou mais dentes, mas como toda novidade, ainda gera dúvidas naqueles que têm indicação para o procedimento. No Brasil, a técnica está cada vez mais difundida: são realizados cerca de 2,2 milhões de implantes dentais por ano no país, segundo a ABIMO (Associação Brasileira da Indústria Médica, Odontológica e Hospitalar). Mas, será que qualquer pessoa pode fazer o procedimento? Para saber o que é verdade e o que não passa de um mito, a cirurgiã-dentista Ludimila Abi-Saber Toledo, especialista em periodontia e implantodontia, esclareceu algumas dúvidas.

Saiba como tratar o mau hálito

Conheça as causas e as formas de tratamento da halitose, além de aprender a se prevenir.

A halitose é uma alteração do hálito que o torna desagradável e em geral é um problema de saúde com consequências sociais e econômicas, morais e psicoafetivas tão sérias que aflige, segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS), aproximadamente 40% da população mundial. Também conhecido como hálito fétido, mau hálito ou fedor da boca é um sinal indicativo de que alguma disfunção orgânica (que requer tratamento) ou fisiológica (que requer apenas orientação) esteja acontecendo.

Como acabar com o medo de ir ao dentista?

Especialista dá dicas de como enfrentar essa fobia e conquistar um sorriso saudável!

Dados apresentados pela Sociedade Americana de Odontologia aponta que de cada dez adultos, três têm medo de ir ao dentista. No Brasil, não existe levantamento semelhante, mas Newton Miranda Carvalho, presidente da Associação Brasileira de Odontologia (ABO), acredita que os números devem ser próximos ou até maiores do que dos americanos.

Página 5 de 17« Primeira...34567...10...Última »